quarta-feira, 23 de março de 2011

os graus dos adjectivos

Já demos os graus dos adjectivos há bastante tempo, mas a pedido de uma colega, para a sua filhota, aqui vai uma ficha que foi entregue ao 6º A, aquando do estudo desta matéria.

Graus dos adjectivos irregulares

Grau normal
Comparativo de superioridade
Superlativo absoluto sintético
Superlativo relativo de superioridade
Bom
Melhor
Óptimo
O melhor
Mau
Pior
Péssimo
O pior
Grande
Maior
Máximo
O maior
Pequeno
Menor
Mínimo
O menor


Grau normal
O bolo de chocolate é bom.
O bolo de noz é mau.
O bolo de laranja é grande.
O bolo de noz é pequeno.

Comparativo de superioridade
O bolo de chocolate é melhor do que o de noz.
O bolo de chocolate é pior do que o de laranja.
O bolo de chocolate é maior do que o de noz.
O bolo de chocolate é menor do que o de laranja.

Superlativo absoluto sintético
O bolo de laranja é óptimo.
O bolo de noz é péssimo.


Superlativo relativo de superioridade
O bolo de laranja é o melhor  de todos.
O bolo de noz é o pior de todos.
O bolo de laranja é o maior de todos.
O bolo de noz é o menor de todos.



Graus dos adjectivos regulares 


Grau normal


O João é alto




Grau comparativo



Igualdade


O João  é tão alto como a Ana.

Superioridade


O João é mais alto do que o Tó.

Inferioridade


O João é menos alto do que a Rita.





Grau superlativo


Absoluto


Sintético


A Rita é altíssima.

Analítico


O João é muito alto.


Relativo


Superioridade


A Rita é a mais alta.

Inferioridade


O Tó é o menos alto.


Grau normal: exprime simplesmente uma característica, sem a aumentar ou diminuir.
Grau comparativo: exprime a característica de um ser, comparando-o com outro da mesma espécie.
Grau superlativo: exprime a característica de um ser, elevada ao último grau (absoluto) ou relacionada com a de outros indivíduos da mesma espécie (relativo).

1 comentário: